[Livro] Coraline

Índice
Livro
HQ
Filme
Trilha Sonora

Coraline acaba de se mudar com os pais para um novo apartamento numa casa antiga, com 22 janelas, 14 portas, 153 coisas azuis e cujo aquecedor de água fica escondido num armário da cozinha. Das 14 portas, 13 abriam sem problemas. Uma estava trancada.

Entediada, a criança explorava toda a propriedade nos últimos dias de verão, antes que as aulas voltassem, tomava chá com as vizinhas de baixo, que antigamente eram atrizes, e ouvia sobre o circo de ratos do maluco senhor que morava no apartamento de cima, insistindo, com todo eles, que a chamassem pelo nome correto. Apesar de afirmar frequentemente que se chama Coraline, os vizinhos insistem em chamá-la Caroline.

Num dia de tédio, decide investigar a porta que não abre e, por trás dela, descobre-se… em casa. Ou melhor, numa casa igualzinha à sua, com uma outra mãe e um outro pai que se parecem muito com os seus, comidas deliciosas, brinquedos encantados e vizinhos que sabem o seu nome. A grande diferença inicial é que todos possuem botões pretos no lugar dos olhos.

O mundo é muito interessante, mas cheira à ameaça. Coraline volta para sua casa, para descobrir que seus pais desapareceram. A menina deduz que eles estão nas garras da outra mãe, naquele outro mundo. Parte, então, para a aventura.

Coraline lembra um pouco uma Alice, tendo escapado de seu mundo para outro, mágico e aparentemente melhor, mas repleto de ameaças. À guisa tanto de coelho branco como de Cheshire (o Gato Que Ri), a garota tem um gato preto e “fantasmas”, que a guiam para fora daquela loucura.

O autor ainda usa elementos do terror e referencia Charles Addams, Edgar Allan Poe e o filme O Bebê de Rosemary. Coraline pode até estar arquivado em literatura infantil, mas Gaiman captura leitores de todas as idades nesta curta trama, que foi adaptada para os quadrinhos e cinema, além de um jogo para o PlayStation 2.

Capa do livro Coraline, de Neil Gaiman

Capa do livro Coraline, de Neil Gaiman

Título original: Coraline
Autor: Neil Gaiman
Ano: 2003
Páginas: 160
Editora: Rocco
Tradução: Regina de Barros Carvalho

Anúncios

Sobre Fernanda Eggers

Comunicóloga, fotógrafa, jornalista, revisora, apaixonada por cinema, HQs e literatura. (E gatos.)
Esse post foi publicado em Coraline, Editora Rocco, HarperCollins, literatura, Terror. Bookmark o link permanente.

4 respostas para [Livro] Coraline

  1. Pingback: Coraline [Filme] « 16mm em Papel Couché

  2. Pingback: Coraline [HQ] « 16mm em Papel Couché

  3. Pingback: Coraline [OST] « 16mm em Papel Couché

  4. Pingback: [Wallpaper] Coraline « 16mm em Papel Couché

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s